sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Algo maligno vem ai de Ray Bradbury



Sinopse:


Poucos romances americanos causaram tanto impacto como este clássico de Ray Bradbury. Para os que acreditam na força da imaginação e ainda não experienciaram o poder hipnótico da prosa de Bradbury, estas páginas vão tornar-se numa revelação. 

O espetáculo está prestes a começar. O circo chega pouco depois da meia-noite, nas vésperas do Halloween. O que fariam se os vossos desejos secretos fossem concedidos pelo misterioso líder do circo, o Sr. Dark? O circo a todos chama com promessas sedutoras de juventude eterna e sonhos por cumprir… Dois amigos adolescentes, Jim Nightshade e Will Halloway, são incapazes de resistir às atrações. A sua curiosidade de rapazes fá-los descobrir o segredo oculto nos labirintos, fumos e espelhos do tenebroso circo. Inconscientes do perigo em que se veem envolvidos, uma terrível perseguição é posta em marcha e Jim e Will tudo terão que fazer para salvar as suas vidas. Mas, acima de tudo, as próprias almas...

Opinião:

Mais um livro digno da Coleção BANG e que tal como o Terror de Dan Simmons me surpreendeu dada a qualidade apresentada, serio candidato a livro do ano, sinceramente.

Já tinha lido uma distopia do escritor e embora lhe tenha reconhecido qualidade não me tinha enchido as medidas, mas sendo este escritor tão elogiado por tanta gente, decidi experimentar outro livro seu e de facto ainda bem que o fiz.

 Uma obra que nos apresenta um enredo muito bem desenvolvido, com diálogos muito interessantes e que nos fazem refletir imenso, onde o escritor mostra uma cultura geral muito acima de média e claro com um universo de personagens muito bem construído, complexas, misteriosas e que nos fazem admirá-lo pela qualidade e criatividade na construção das mesmas.

 Não sei em que género se pode enquadrar este livro, talvez horror, tal como os livros do Dan Simmons. Se for isso, tenho mesmo que reflectir e começar a dar mais atenção a este género pois tem me surpreendido muito pela positiva.

Um livro negro, cruel, de uma criatividade que nos deixa encantados e com uma ponta final simplesmente extraordinária, do melhor que já li da colecção, sem dúvida. Aqui está mais uma prova que não são necessárias sagas / trilogias para se escrever uma boa história num livro único.

Mais do que recomendado de leitura obrigatória.

PS: Este livro termina com um excerto do livro 
O Mistério de Charles Dickens, vol. 1 de Dan Simmons, livro que acabo de receber, logo será a minha próxima leitura sem duvida *largo sorriso*

117 comentários:

  1. Olá
    Ainda não li nada deste autor, se bem que tenho imensa curiosidade.
    Tenho uma versão brasileira, em digital, de um livro de contos "A Cidade dorme e outras histórias", mas ainda não li. Infelizmente, que eu conheça não existe traduzido no nosso país, nenhum livro de contos dele. Lá terei de ir ao inglês :P
    Muito bom, o teu comentário e deixa-me curiosa, mas confesso que também estou bastante curiosa com a tua próxima leitura :)
    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Caminhante,

      Por acaso a distopia ofereci à tua frente ao RuiRamos na Feira do Livro de Lisboa ehehe, quanto a este livro, bem que surpresa, fantástico.

      Quando quiseres é só dizer, o mesmo se aplica ao Simmons ;)

      lol estou tramado tenho mesmo que ler contos :D

      Bjs e boa sorte para logo

      Eliminar
    2. Colega Caminhante existe livros de contos deste senhor sim senhora, alias um dos marco da FC (embora FC seja algo discutível) é dele as famosas Crónicas Marcianas!!!

      Dou-te uma ajuda:


      http://www.wook.pt/product/search/m/00/restricts/8066x5839/facetcode/temas/restrictsinc/8066x5839/facetcodeinc/temas/palavras/Ray%20Bradbury

      Eliminar
  2. Força, Fiacha! Bem-vindo ao Mundo Real da boa literatura fantástica. O género literário onde este livro pode ser incluído chama-se"Dark Fantasy".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Barreiros,

      Isto devagarinho e com as boas indicações / sugestões que tenho recebido vai lá :)

      E agradeço recomendações deste escritor, adorei e ver se encontro alguns na argonauta.

      Ok sem duvida um livro mais negro :)

      Abraço

      Eliminar
  3. Caminhante, a colecção Argonauta publicou vários livros dele: A Cidade Fantástica. O Homem Ilustrado. O Mundo Marciano. Os Frutos Dourados fo Sol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora aqui está uma informação que me interessa imenso, obrigado pela informação Barreiros.

      Espero que a SDE continue a publicar livros deste fantástico escritor :)

      Eliminar
    2. Obrigada pelas dicas, vou registar :) João Barreiros
      Mas vi na Amazon que existem vários livros dele de contos, por exemplo: Bradbury Stories: 100 of His Most Celebrated Tales ou The Stories of Ray Bradbury ou A Sound of Thunder and Other Stories,
      Estes não existem por cá? Os que referiu da Argonauta não são contos pois não?
      de qualquer maneira vou procurá-los :) obrigada

      Eliminar
    3. São contos, sim. Ao longo dos anos apareceram várias colectaneas com nomes diferentes, mas que continham sensivelmente os mesmos contos. Alguns estão tematicamente organizados:
      Crónicas Marcianas
      O Homem Ilustrado
      A Cidade Fantástica
      O País de Outubro.

      Eliminar
    4. Obrigada,João Barreiros já percebi que tenho mesmo passar à acção e apostar um pouco neste senhor :)

      Eliminar
  4. As Máquinas da Alegria. O Abismo de Chicago. Eu canto o corpo eléctrico. Farheneit 451.
    Alguns destes foram republicados pela Caminho: Crónicas Marcianas. A Cidade Fantástica.
    Eu próprio publiquei os contos policiais dele na Gradiva.
    A E-A publicou alguns dos policiais. ( fraquitos)

    ResponderEliminar
  5. Obrigado Barreiros, registado.

    Por acaso o senhor Dark é o Homem Ilustrado, terá algo a ver com o livro que informaste anteriormente ?

    Temos que falar com o Ubik para a feira do livro Caminhante :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A questão é mesmo encontrar o livro, mas se o vir não falha ;)

      Eliminar
  6. Tenho mesmo de voltar a pegar nele ;) gostei da review :p

    ResponderEliminar
  7. Viva amiga Cata :)

    Pois pelo que percebi começaste a ler e acabaste por suspender, compreendo isso, mas acredita-me o livro a partir do meio do livro começa a deixar-mos completamente presos, em constante suspense e às tantas ficas a pensar, mas este homem é mesmo criativo, bem é com cada personagem....dá-lhe novamente oportunidade, vai por mim ;)

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui nem sabes o que o livro vai melhorar, ai é apenas o inicio de algo verdadeiramente fantástico, vai por mim ;)

      Eliminar
    2. Acredito :) Lá mais para o fim do ano pego nele ;)

      Eliminar
    3. Fazes muito bem, não é por acaso que digo ser um dos melhores livros da coleção BANG e olha que já li alguns :D

      Uma agradável surpresa sem duvida ;)

      Eliminar
  8. Olá meu caro amigo,

    Nunca li nada deste autor não sei porquê nunca me chamou a atenção. Já li falar muito foi do livro Fahrenheit 451, deste livro nem sequer tinha ouvido falar.
    Mas agora com essa do Mistério de Charles Dickens deixaste-me com água na água.
    Confesso que com esta opinião também não abriste muito o "véu", deixaste ficar muitas coisas a pairar no ar, esperto.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva :D

      Pois aconteceu-me o mesmo, mas tive oportunidade de ler o Fahrenheit 451 e embora seja um livro bom, sem duvidas, este livro é completamente diferente e está escrito de uma forma magistral, em especial na 2ª parte do livro ;)

      Bem o Dan Simmons foi mesmo a minha descoberta revelação de 2013, alias o Terror foi o livro do ano, sem duvida e felizmente acabei de receber a informação que a parte um está lá em casa, fiquei mesmo contente :D

      Tem que ser, não se deve efetuar grandes spoliers, a não ser que alguem queira comentar os livros mais afundo e ai sim, vamos nessa :D

      Lê que é excelente mesmo ;)

      Bjs e boas leituras

      Eliminar
  9. Amigo parece interessante e se o tio Barreiros o elogiou e tu também então é mesmo um livro a ter em consideração. Agora a parte cruel! Hummm sabes que eu sou mais de contos de fadas (brinco). Bem vou ter que me organizar nas aquisições futuras. E tu dares cabo do orçamento. Hehe
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pequeno lince,

      lol, fazes bem pois o livro é muito bom e este não tem namoricos, mas tem personagens que te deixam deslumbrada, vale bem o investimento acredita ;)

      Só estou a querer enriquecer a tua estante com bons livros ehehe

      bjs e boas leituras

      Eliminar
    2. Luisa, este Something Wicked é quase um conto de fadas. De fadas más, entenda-se. E com uma bruxa de cera...que só pode ser morta com uma bala onde se desenhou um sorriso...

      Eliminar
    3. Nem mais Tio Barreiros, essa memoria está lá ;)

      Eliminar
  10. Olá Fiacha

    Fiquei super curioso.
    Este livro já esta na minha lista de compras, desde que a SdE o anunciou na Revista Bang!, só não o tinha comprado, porque não conhecia nada do escritor, talvez seja este ano, que venha ter a minha estante.
    Para matar a curiosidade.

    Abraço

    [by Finisterra]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Finisterra,

      Um grande livro sem duvida, o inicio é algo morno digamos assim, mas a partir de determinado momento, parece que estás a ler a Gloria dos Traidores do Martin, tal a intensidade e qualidade apresentada ;)

      Vale bem a pena vai por mim

      Abraço e boas leituras e nem sabes o que me apetece pegar em Feist, já o tenho ehehe....e agora qual escolho ?

      Eliminar
    2. Por mim vai o do Feist, a leitura e o ritmo é alucinante.

      Tenho de arranjar espaço para ler Bradbury.

      [by Finisterra]

      Eliminar
    3. Pois eu sei e sabes bem o quanto ansiava ler este livro, só soube que o tinha depois de fazer o comentário e agora ?

      É que Dan Simmons é um dos escritores que mais gosto da coleção, ainda estou espantado com a qualidade quer do Terror quer com a Canção de Kali, mas o Feist e a menina Mara chamam por mim

      Ai ai, vou mas é jantar e logo vejo, mas estás a desencaminhar-me :D

      Eliminar
    4. Faz uma pausa no Dan Simmons.
      Quando colocares aqui no blog a critica ao livro do Feist (o que vai acontecer daqui a uma semana), pedes desculpa a malta por não teres lido o que prometeste. Olha que a Mara neste livro vai ter de passar por cima de muito. (O poder as vezes pode "cegar")

      [by Finisterra]

      Eliminar
    5. Aproveitador, estás a utilizar as minhas fraquezas para deixar de ler Simmons ehehe, mas Simmons é melhor, pode não ser tão viciante, mais descritivo, mas sem duvida melhor Finisterra, descobre por ti :)

      Mas por outro lado até tem a sua logica, vou ter uma leitura conjunta do Manuel Alves (devias comprar o e-book xd 1,5€) e o Feist é livro para durar uma semana, nem tanto, ai ai faz lembrar o Jesus tanta qualidade e não saber o que escolher :D

      Mas devo obtar pelo Simmons, não me tentes vá lá :P

      Eliminar
  11. Olá!
    Desculpa de só ter podido agora comentar.
    Parece um livro bué interessante. Confesso que nunca li nada deste escritor mas tu tentaste-me.
    Bjs

    leiturasfabulosas.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Joana,

      Na verdade a ti recomendo-te que leias primeiro Robin Hobb, é mais soft e acaba por nos comover, sentir os problemas dos persoangens, acho que é melhor para ti, atenção que não seja lido como descriminação do que lês

      Mas é verdade este é um livro muito bom, foi uma surpresa mesmo muito agradável, para leres um dia ;)

      E não me digas qe te tento rapariga :D

      Bjs obrigado pela visita e boas leituras :)

      Eliminar
  12. Céus! Como é possivel já ninguém conhecer o Bradbury por aqui! O tipo é um marco, uma referência absoluta. Triste vai a nova geração deste pais...
    Aqui está a bibliografia dele:

    http://www.fantasticfiction.co.uk/b/ray-bradbury/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vergo-me João, só com este livro percebi a grandeza do escritor, sem duvida :)

      Eliminar
  13. Socorro, Ubik! Pune severamente extes pimpolhos e pimpolhetas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lol

      Sempre defendi que cada um lê o que gosta e continuo a defender, mais depressa condeno o negocio dos livros (afinal queixam-se que os portugueses lêm pouco) que colocam os prços dos livros desta forma e com divisões e tal, mas sim espero que o prezado amigo Ubik me brinde com um comentário neste escritor e me ajude tal como me tens ajudado a ler mais do escritor

      Apenas lamento não conseguir transmitir toda a qualidade potencial do escritor, mas pronto adorei é o que tenho a dizer ;)

      Eliminar
  14. Estou como tu em relação ao Fahrenheit 451, gostei embora não tenha adorado...
    Pela tua opinião parece que este é mais interessante ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva José,

      Sem duvida, para mim foi muito melhor e uma agradável surpresa...ainda bem que voltei a ler o escritor, isto por vezes engana e pelo que percebo até policias o escritor escreveu, só com a leitura deste livro me apercebi da sua grandeza, se poderes lê por ti ;)

      Abraço e boas leituras

      Eliminar
  15. Olá Fiacha,

    Não conhecia o autor e a sinopse, apesar de ser engraçada, não me pareceu grande coisa... mas gostei muito do teu comentário, e agora já é um livro a ler um dia :P

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá miga,

      Ai tens tantos universos fantasticos por descobrir na SDE, sei que andas numa de Brumas de Avalin e a gostar, mas livros destes são verdadeiras pérolas sem duvida, experimenta, sempre gostava de ver o teu comentario ;)

      Bjs e boas leituras, cumprimentos da minha parte ao Bardo Merlin :D

      Eliminar
  16. Amigo Fiacha não te tinha dito que ias gostar? Não te tinha dito que era Bom? Agora toca a procurar outros livros deste senhor pois são verdadeiras pérolas.

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Marco,

      Sim tenho que recnhecer que tinham toda a razão, dai o ter pedido à Editora e fica desde já a promessa a ver se encontro mais livros do escritor na feira do livro, mas não deve ser fácil de encontrar ;)

      Plenamente de acordo, a prova que não é necessário sagas e trilogias para se escrever algo.....bom ;)

      Abraço e não esqueças és o seguinte eeheheh

      Eliminar
  17. Boas Fiacha

    Ainda não li nada deste autor mas a sinopse é bastante interessante.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Stark :D

      Não só a sinopse, mas o proprio livro vale bem a pena ser lido, vai por mim ;)

      Abraço ;)

      Eliminar
  18. Oi Fiacha!
    Parece ser uma boa leitura! E foge um pouco dos gêneros que sou acostumada! Mas gostei demais da capa e do que você disse! Adoro livro quem bons diálogos e com personagens bem desenvolvidos! Parece uma leitura bem obscura! Eu ia gostar disso!
    Tem promoção lá no blog:http://overdoselite.blogspot.com.br/2014/02/resenha-outra-sombra-max-moreno.html
    Acho que irá gostar!
    Parabéns pela resenha!
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Paula,

      Penso que irias gostar sem duvida, quem sabe a SDE não pblique ai pelo Brasil, seria interessante e uma mais valia, isto claro se não esiver j+a publicado ;)

      A ver se passo lá :D

      Bjs e boas leituras

      Eliminar
  19. Olá :D
    Parabéns pelo comentário...parece-me uma leitura bastante interessante, bem diferente :D Conquistou-me o interesse principalmente pela força do Barreiros :P
    Quem sabe se arrisco..eheh
    Boas leituras ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá miga,

      Obrigado e sem duvida que é m grande livro, quanto a mim claro...e sim se em aprovação do Barreiros já sabes é porque é mesmo bom, não tem papas na lingua para criticar seja o que for :D

      Bjs e boas leituras e arrisca sim ;)

      Eliminar
  20. Viva Fiacha

    Não há como errar com este livro! E concordo contigo, não é preciso grandes sagas intermináveis para se ter uma história consistente e agradável a todos os níveis. Acho que fazias bem em rever essa posição quanto ao horror, é um género com pequenas pérolas sem dúvida.

    Ora aí está um livro que tenho interesse também, mas ao que sei vai sair o pack dos dois por um certo?

    Abraço boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Rui.

      Sem duvida que não te enganaste ao advinhar que iria estar na presença de um livro excelente e é sem duvida, nunca pensei gostar tanto ;)

      Vou rever sim e penso que a SDE ate tem coisa bem interessantes nesse capitulo :)

      Vai sair agora em março sim, é m escritor muito bom li O Terror e a Canção de Kali (traduzido pelo João Barreiros) e são do melhor, vou querer ler sem duvida :D

      Abraço e boas leituras :)

      Eliminar
  21. Para dizer a verdade este autor não me tinha suscitado curiosidade, mas depois deste teu comentário será algo a descobrir.
    A canção de Kali tenho ali para ler e pareceu-me ser muito interessante, quer ver se arranjo tempo.
    Fiquei baralhada, o que vai sair em pack? Adoro os packs da SdE :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Maria João :)

      Vale a pena sim é um grande escritor, este livro está 5 estrelas, mesmo ;)

      Quanto ao Dan Simmons tens ai um livro excelente ;)

      O Terror já está em pack e recomendo imenso e O Mistério de Charles Dickens, que vai estar em pack em março de 2014, logo é este pack que irá sair.

      Já li um pouco e lá está é Dan Simmons, muito bom sem duvida ;)

      Bjs e boas leituras

      Eliminar
  22. Boa, tenho este livro na estante e assim fiquei feliz por ver que vai ser uma boa aposta. Beijos e boas leituras

    ResponderEliminar
  23. Viva Catarina,

    Sem duvida que fizeste uma excelente aquisição, alias vou gostar de ler a tua opinião ;)

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
  24. Olá amigo corvo. :)

    Desconhecia este livro da colecção bang, mas fiquei sinceramente curiosa, parece ser realmente muito bom e "Terror" também é um género que embora não conheça muito, me agrada. Parabéns pela opinião. :)

    Beijinhos e boas leituras

    ResponderEliminar
  25. Viva Rita,

    São livros diferentes, este com o Terror (que gostei mais) mas este revelou-se uma agradável surpresa sem duvida.

    Caso queiras algum já sabes ;)

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
  26. Olá Fiacha,

    Deste autor só tinha o "Fahrenheit 451", enquanto clássico, na minha wishlist, por isso vou adicionar este também.

    Beijinhos e boas leituras! ^^ *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá miga,

      Estavas como eu e entretanto decide voltar a ler um livro do escritor e fiquei agradávelmente surpreendido, vale muito a pena ;)

      Bjs e boas leituras ^^*

      Eliminar
  27. .....eh lá,parece que cheguei tarde a este "post"!!...

    Acreditem que estava em crer que o Bradbury seria aquele escritor mais ou menos "consensual", que todos conhecem ou que leram num momento ou outro, e como tal não precisaria nem de apresentação nem de recomendação!

    Mas parece que que me enganei, tendo em conta os comentários dos mais ilustres visitantes deste blogue.

    Alguma linha temporal da literatura fantástica lida em Portugal se quebrou nos últimos anos de forma muito grave, para que Bradbury se esteja a reduzir a mais um ilustre desconhecido do leitor português.
    Porque, ao contrário de tantos outros autores que nem sequer têm a oportunidade de cair na obscuridade, e se trata de um autor clássico, com grande parte da sua obra publicada em Portugal, seria de prever que estaria presente nesta ou naquela biblioteca.

    Não conhecer "O Homem Ilustrado", ou "As Crónicas Marcianas" ou "Fahrenheit 451", e todos os maravilhosos contos de Bradbury, pode ser meus amigos uma maldição de lesa literatura ou, por outro lado, a.... redenção..

    Uma maldição porque estão a perder um autor único e inimitável.

    Mas a redenção porque têm a hipótese de descobrir este criador excepcional de "paisagens interiores", e que lido pela primeira vez vos vai deixar sempre entre o "arrepiado" e o maravilhado!!

    O Bradbury é para mim um daqueles raros autores cujos livros se lêem uma vez na vida. Depois, só nos resta transmitir aquela "chama" que nos deixou a outro e mais outro leitor, para que também ele sinta "aquele momento".

    Para quem o descobrir agora pela primeira vez , fico com inveja desse momento.

    Barreiros, onde está o chicote, ai ai?!!........

    A minha recomendação: "A Cidade Fantástica": existe na Argonauta e na colecção de FC da Caminho.

    Ubik

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Ubik,

      Vens sempre a tempo, mais ou menos mas pronto :D

      Era a ideia que tinha do escritor , ser consensual, dai arriscar em ler mais um livro do mesmo e em boa hora o fiz e claro a ver se consigo ler mais pois criatividade não falta ao escritor.

      A ver se me ajudas na feira do livro de Lisboa, poderá ser o ano de aposta neste escritor ;)

      As coisas não estão fáceis para a FC, para este tipo de escritor, sem duvida é triste mas é a realidade, mas pronto na verdade tal como eu ainda há muita gente que tens perolas deste calibre por descobrir :)

      Abraço e boas leituras (sei que estás mortinho para que o SLB escorregue tambem eheh)

      Eliminar
    2. Vamos ter de fustigar tanta, tanta gente, caro Ubik...

      Eliminar
    3. Meu caro Barreiros, tens toda a razão (desculpa-me o "Tu" familiar), e não tenho duvida de que merecem ser bem fustigados...mas se os queremos castigar a sério, devemos disponibilizar-lhes os livros que "devem"(??) ler...quem sabe não serão os masoquistas ideais para este par de...sádicos?? ..não desejando mais outro tipo de sofrimento....ehehe..

      ubik

      Eliminar
  28. Amigo, Fiacha

    Só este fim de semana tive a oportunidade de tentar "resgatar" o "Neuromante" de William Gibson das promoções da gare.
    Cheguei tarde, com pena minha, pois os dois exemplares que existiam foram parar ao "ciberespaço" de outros leitores.

    Mas na Ficção Cientifica nada se perde, tudo se cria ( e talvez se transforme), pelo que encontraremos brevemente "O Neuromante" noutro local qualquer do hiperespaço livreiro português.

    Ubik

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois

      Obrigado por te lembrares, tenho o amigo Marco, que vai muitas vezes às feiras dos livros da região e se ele encontrar sabe que eu quero, mas se vires compra à vontade que acertamos isso, um livro por acaso que gostava muito de ler :)

      Nem mais ;)

      Abraço

      Eliminar
    2. Quando vir o livro eu compro-to e vais lê-lo imediatamente!!!

      Eliminar
  29. ....mais do hipoespaço, estou em crer!...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, o importante é não perder a esperança :D

      Eliminar
  30. Esperança? Ah, caro Fiacha! Vivemos à beira do Fim! Que venha o Apocalipse Zombie para nos livrar do viscoso horror que é viver neste país encantado! Quanto a mim, já ando a poupar na gasolina para a motosserra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Barreiros, as gralhas são uma coisa terrivel: quererias, porventura escrever, viver neste país enganado ( porque de "encantado" nem nos romances trágico-maritimos e parvos da margarida sousa tavares rodrigues dos santos pinto).

      E deixa-me que te lembre, caro professor, que "à beira do Fim" é um interessante romance de Harrison ( o harry), e tal como com Bradbury uma aposta possivel na cristinização nestes tempos ímpios. ( e não, não é transformá-los em cristinas ferreiras, que o leitor tem ouvidos muito sensiveis, por vezes demasiado moucos!)

      Ah, e sei de motoserras a gasóleo...:):)

      Ubik

      Eliminar
    2. puxa,há palavras dificeis: cristianização..eheheh

      Eliminar
  31. Tio,

    O inigualavel Ubik referia-se ao Negromante do William Gibson e conseguirmos encontrar um exemplar aqui para o corvo e não vamos perder a esperança de um dia poder surgir uma fornada de novos escritores com igual qualidade, seja em que genero for e porque não na FC, mas realmente a nova geração de leitores lê o que o Marketing poem cá fora, é pena :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Fiacha,

      conheces concerteza a musica de Rui Veloso " A gente não lê", que retrata poeticamente a ileteracia de 0,3% da população portuguesa que finge ler:):):)...por isso nada mais fácil que encontrar o "Neuromante".
      E depois deste, outro do mesmo autor, de que ninguem fala, em tradução portuguesa, "Idoru"...

      Abraço
      Ubik

      Eliminar
    2. Viva Ubik,

      Apenas é dizeres o que comprar, se tiver possibilidades não me escapa, embora ainda tenha muito material bom por ler, até oferecido por ti e recomendado :(

      Abraço :D

      Eliminar
  32. Olá Fiacha!

    Aqui estou para comentar mais uma excelente opinião. Desta vez é a um livro que eu tenho alguma curiosidade. A capa, a sinopse. O estilo. Parece ser bastante interessante. Com a tua opinião ainda fiquei mais interessada.

    Os livros deste género são muito agradáveis. Só tenho receio de que não corresponda às expectativas (isto em relação aos livros de horror, pois penso sempre que vai ser uma coisa fantástica e por vezes acabam por não ser ou por outras palavras, por não meter assim tanto medo).

    O do Simmons também quero ler! =D e este, talvez talvez!

    Bjs e boas leituras!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria Rita,

      Não tenhas qualquer receio em relação a qualquer escritor, são ambos muito bons e ainda assim prefiro o Dan Simmons, que alias estou a ler e a adorar ;)

      Será sem duvida um boa aposta ;)

      Bjs e boas leituras

      Eliminar
  33. Olá :)

    Ainda não li nada deste autor mas já estou a ver que este será um livro a incluir na minha wishlist ;)

    Boas leituras e bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana,

      E curioso que é sem duvida um escritor muito consagrado, se tiveres oportunidade lê que vale bem a pena, tal com Dan Simmons ;)

      Bjs e boas leituras

      Eliminar
  34. NEUROMANTE, caro Fiacha, NEUROMANTE! Não NEGROMANTE (WTF!)
    E já correste a comprar o UNDER THE DOME (A CÚPULA) do King? E, já agora, se olhares para fora da caixa, descobrirás um livro da Kate Atkinson, chamado VIDA APÓS VIDA, publicado na Relógio de Água. Trata de uma mulher que nasceu/morreu/nasceu/morreu no inicio do século XX e que, sempre que morre, consegue entrar num universo paralelo onde a escolha foi outra. Num deles, chega a matar o Hitler. Talvez a verdadeira literatura fantástica e adulta esteja a ser publicada FORA das alegadas colecções do género. Por isso às vezes vale a pena espreitares noutras prateleiras...
    A propósito, UBIK, já reparaste que há muito, muito tempo que a FNAC não coloca um indicativo que indique estarmos a tratar de FICÇÃO CIENTÍFICA? Nelas, só aparece uma paquinha a dizer FANTÁSTICO. Como se eles, os livreiros, quisessem definitivamente matar o género. E quanto aos livros que aparecem nas prateleiras de "imports"? Nem um de FC. Nem um Americano. Todos, mas todos são EXACTAMENTE os mesmos que já foram publicados em português. Como se os responsáveis por este descalabro, e na total ignorância do que se faz lá fora, pegaram nos mesmos títulos nos catálogos, e toma que já almoçaste!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em primeiro lugar obrigado pela chamada de atenção para esse livro da Kate Atkinson e sim muitos dos bons exemplos estão fora das colecções.

      Quanto a essas questão de não haver "um indicativo" de FC como "se eles, os livreiros, quisessem definitivamente matar o género" permita-me discordar de um aspecto. Por muito respeito que tenha pelas pessoas que trabalham na FNAC e eu conheço algumas e apesar da simpatia que muitos demonstram eles não são (na sua maioria) Livreiros. Gostam de livros sim senhor, mas dei até sem livreiros vai uma grande distancia.

      Eliminar
  35. Viva Barreiros,

    E eu a dar-lhe :D tens razão sim senhor ehehehe


    Ainda não mas quero ver se o faço, embora não atine muito com o S. King vou seguir a tua recomendação, já li bons comentários ao livro :)

    Mais um que fica registado, obrigado :)

    O Cosmos do Carl Sagan é um bom livro, sabem dizer-me ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se Cosmos do Carl Sagan é um bom livro? Não devias ter perguntado isso, principalmente ao Barreiros... :D

      Eliminar
  36. Viva marco,

    Só perguntei porque me ofereçam nos anos (a malta do cantinho ) e ainda não o li, mas espero que seja bom lol

    ResponderEliminar
  37. O COSMOS não é um romance. É um livro que sintetiza a série que apareceu na TV em tempos idos. Interessante, para consulta. Talvez um pouco datado, pois tem já quase trinta anos em cima. O Sagan só escreveu um romance: CONTACTO. Contacto esse que é uma das grandes e pretensiosas bostas do Milénio. E uma cópia quase descarada, dos LISTENERS do James Gunn, publicado em 1972. Precisamente no mesmo ano em que o Sagan publicou o seu CONTACTO (traduzido para português pela Gradiva), Jack McDevitt publicou os HERCULES TEXTS (1986), esse sim, bem mais interessante e criativo do que a bosta Saganiana, e que tratava do mesmo tema: comunicação via radio com uma civilização extra-terrestre.

    Coincidência? Ok, tudo é possível no Multiverso.

    O mesmo aconteceu com o Arthur C Clarke e o Charles Sheffield.
    THE WEB BETEEN THE WORLDS --- Charles Sheffield (1979)
    THE FOUNTAINS OF PARADISE -- Arthur C Clarke (1979)
    Ambos os livros tratavam sobre a construção do primeiro Elevador Orbital.
    O livro do Sheffield é excelente.
    O do Clarke uma seca.
    O livro do Gunn é excelente.
    O do Sagan é uma seca.
    E agora diz-me: quais deles foram publicados em Portugal? As secas ou os excelentes?
    Pois...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Barreiros,

      Realmente faz-me alguma confusão como é possivel a qualidade não prevalecer sobre os restantes livros, mas pronto, tenho o Cosmos por ler e quem sabe não venha a gostar.

      No fundo ainda há muita coisa boa a ser publicada por cá, se virá a ser publicado é que tenho mais duvidas, mas perdemos todos o que é uma pena :(

      Será que irá mudar nos próximos tempos ou cada vez mais com tendência a desaparecer ?

      Eliminar
  38. Já agora, o filho do Sagan, Nick Sagan de seu nome, tem uma trilogia de FC (soso), um tanto ou quanto juvenil, publicada na Presença, acho eu. No tempo em que a Presença ainda publicava FC...

    ResponderEliminar
  39. http://www.presenca.pt/autor/nick-sagan/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela sugestão ;)

      Ainda me lembro da trilogia Mundos Paralelos do Pulmman, adorei ;)

      Eliminar
  40. Curiosamente, este da Kate Atkinson comprei-o na semana passada.
    Está na lista, para ler!

    Sem duvida Barreiros, que por estes lados, só fora das colecções do Género , se podem encontrar algumas coisas ( poucas, raras) do Género. Talvez porque se trate de autores que abarcam vários géneros e obras "híbridas", e por isso escapam ao "pré - conceito" dos editores.

    A Relógio d´Água tem publicado um interessantíssimo e "diferente" livro de contos fantásticos, em tom mais ou menos "negro" de uma autora russa, Liudmila Petruschévskaia, que vale a pena descobrir.
    Intitula-se (se a memória não me atraiçoa) " a mulher que tentou matar o bebé da vizinha).

    E já o recomendei, mas relembro para os menos atentos, em" tom" de FC e horror, de Michael Faber, o romance " Debaixo da Pele".

    Barreiros, acho que os livreiros já nem precisam de grande esforço para matar o género FC, pois a apatia e o desprezo do leitor ( daquele que até lê fantasia,etc), conjuntamente com o desinteresse dos editores do fantástico pela FC, são determinantes para que a FC esteja agonizante ( nem com desfribilador sináptico vai lá ), e caminhe rapidamente para o repouso eterno.

    Já quase nem olho para os "import" da Fnac, pois sei que há anos repousam por lá ( EM PRÉ- SONO MORTAL) sempre os mesmos livros!

    Já ninguém arrisca nada de nada.

    ubik

    ResponderEliminar
  41. E como é possível, sim, como é possível, que nenhum editor se atreva a publicar por cá a série da Cultura, apesar de todo o barulho que se fez à volta do Ian M Banks quando ele morreu? Até na TV falaram dele. Fiacha, meu velho, chegaste a comprar o Pensa em Phlebas quando ele saiu?

    ResponderEliminar
  42. Bem só agora percebi estes comentários.

    É uma pena o que se está a passar com a FC e com os bons escritores de fantasia, mas temos que tentar divulgar os bons livros, alguns acabam por ler os livros que comento que acabam por comentar nos seus blogues e por ai fora, sei que é apenas uma pequena gota de água no vasto oceano, mas nada como tentar lutar a que leia Ursula Le Guin, Zelazny, Vance, Dick e por ai fora, um dia pode ser que mude as tendências

    Barreiros,

    Não conheço esse escritor, não é o tal escritor que a SDE vai publicar no Brasil, penso e que é uma cópia do Tolkien ?

    Tenho tanto mas tanto livro para ler recomendado pelo Ubik e mesmo oferecido por ele que dava para passar um ano a ler e comentar livros de FC, ainda pretendo faze-lo :)

    ResponderEliminar
  43. De modo algum, Fiacha. Ninguém imita o Banks e o Banks nunca imitou ninguém. Ele foi, muito simplesmente, um dos mais extraordinários autores de Fc space opera do séc XX/XXI. Morreu no ano passado e até teve honras de apare er na TV portuguesa. Os livros passam-se todos no universo da Cultura, uma civilização pós comunista, pós scarcety, que tenta impor os valores da liberdade absoluta a outras civilizações de natureza mais totalitária. A bem ou a mal. Muitas vezes à força. As meganaves são inteligentes, pois atingiram a Singularidade. Obras complexas, riquissimas, adultas, fascinantes, muito bem escritas, nada juvenis. Fala ao Ubik, pois ele é capaz de ter o Pensa em Phlebas em português. Então achas que, numa colecção que eu dirigi, ia publicar fantasia da treta?

    ResponderEliminar
  44. Consulta aqui

    http://www.fantasticfiction.co.uk/b/iain-m-banks/

    ResponderEliminar
  45. Viva Barreiros,

    Tinha na ideia que iria ser lançado pela SDE, mas posso estar enganado andei à procura e não encontrei o que realmente é pena mas ainda vou tentar saber ;)

    Quanto aos links obrigado sem duvida que é muito tentador, a ver se adquiro, desgraças-me :D

    Abraço

    ResponderEliminar
  46. Aqui estão algumas das razões porque a série da cultura do Banks nunca será publicada em Portugal:
    São space Operas
    Têm naves espaciais
    Têm Inteligências Artificiais
    Têm alienígenas
    Têm sentido de humor
    Têm violência
    Não são românticas
    Não têm Highlanders de peito descoberto, nem vampiros, nem dragões, nem princesas guerreiras
    Estão muito, muito bem escritas.
    A estrutura narrativa é muito complexa.
    São romances que tratam a política de um modo muito elaborado
    Não são juvenis.
    Enfim, têm tudo aquilo que as Editoras portuguesas ( e provavelmente as leitoras) detestam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente não entendo como é possível não publicarem algo tão bom (pelo que é dado a perceber) e faz-me confusão esta especie de alergia por FC, é que tem coisas tão boas, tão bem escritas que a malta nem imagina ;)

      Mas as Editoras não saberão da qualidade deste tipo de livro ? Eu penso que sim mas é sempre a mesma questão, não vende, ou mal divulgado ou mesmo porque existe uma espécie de complexo em relação à FC

      Eliminar
    2. Claro que tenho este livro, Barreiros!
      Ou melhor: já é o sexto ou sétimo exemplar que tenho deste avassalador romance.
      Em cada um dos exemplares que "emprestadei" ( tal o meu entusiasmo) a amigos/amigas verifiquei, para meu espanto!, o quanto os amaldiçoei para a grande FC, pois que não só o não leram até ao fim, como (temo) não mais leram a grande nem a pequena FC, quebrando o "contacto", e ficando para sempre adormecidos com o Sagan....

      Porquê? Confesso não o descortinar.

      Até uma "antiga" namorada, que era uma pessoa SINGULAR ( ainda não estava na moda a bipolaridade, que veio tornar as "personalidades" plurais), e que era toda virada para o Céu e as Estrelas ( quando estava na horizontal, claro!), desapareceu na chamada Singularidade Literária, assim que leu as primeiras 12 páginas deste livro, andando presumo eu, a vaguear hoje em dia, algures entre a Anne Bishop e a Patricia Briggs com fugazes mergulhos no Sparks.
      Que mal lhe fiz( e nunca mais a vi), que se perdeu para a CULTURA??!!....Singularidades de uma rapariga loira....

      Um homem, como o Iain Banks, que estando na fase terminal de um cancro, decide casar com a sua companheira de anos,e lhe pede para SER A SUA VIÚVA, só pode ter sido um escritor GENIAL, e alguem com um notável sentido de humor!

      A série da Cultura temo resultar absolutamente incompreensivel para o leitor português: e não consigo entender o porquê. Enfin...

      Fiacha: o criminoso volta sempre ao local do crime:
      Hoje não faltavam exemplares de "O NEUROMANTE" ( não o necromante!) na feira da gare pelo que já tens o teu exemplar comigo.
      Aproveitei e trouxe-te também "Os EXTREMOS" do Christopher Priest.

      Se puderem desloquem-se até lá: podem comprar bons livros, alguns de FC, a preços muito muito em conta:ainda vi por lá alguns exemplares da colecção azul de FC da Caminho ( Barreiros, estava lá o teu " Caçador de Brinquedos", mas esse já o tenho ( e lido) desde que saiu.
      Mas têm H.G. Wells. Jack London e a sua incursão no fantástico, Gibson, Priest, Buzatti e a sua incursão na FC, Borges, Hamilton, Bradbury,livros da Argonauta,etc.

      E têm um escritor UNICO e INIMITÁVEL e parcamente publicado em Portugal ( como tudo o que é bom!) a €3,00 em capa dura : P.G. Wodehouse.

      Ubik

      Aproveiem

      Eliminar
    3. lol,

      Ai Ubik só tu, mas curiosamente a Singularidade da Rapariga Loira acabou de ler Crime e Castigo :P

      Quanto aos teus livros apenas li Margarida e o Mestre, mas sei que ainda tenho outros por ler, não está esquecido :D

      Quanto ao voltares ao local do crime, parece-me bem e podes comprar mais uns livrinhos que o corvo agradece e faz contas contigo na feira do livro, a não ser que venhas à zona da Baixa um dia e almoçamos juntos ;D

      Obrigado, mais uma vez ;)

      Eliminar
  47. O complexo em relação à FC é enorme neste nosso cantinho, caro Fiacha. Lembro-me de um puto qualquer dizer no Fórum BANG que não gostava de FC porque tinha alienígenas, criaturas que ele lhe custava a visualizar e em que não acreditava. A seguir descuidou-se e afirmou preferir os dragões porque esses, sim, eram bem possíveis. Aliás a FC têm demasiada *ciência", diziam algumas meninas noutros lados. Bom: vamos lá a ver...as obras do Banks são "adultas", o que implica que os putos leitores não as compreendam. E se as recentes colecções estão todas elas viradas para um público jovem...A verdade é que TODOS os autores de FC desapareceram do universo cognitivo dos leitores portugueses. E mesmo que alguns desses autores sejam publicados em português, como o McAuley, o Simmons, o Priest, certamente não serão os os livros de FC destes autores os primeiros a serem traduzidos. Vê lá se traduzira os HYPERION CANTOS do Simmons ou o ILIUM e o OLIMPUS do mesmo autor. Ou se publicaram os outros livros do Richard Morgan. Chegaste a ler, deste último autor, o CARBONO ALTERADO, que seria o prirmeiro volume de uma trilogia? Se não o leste, aí tens a razão porque não foram traduzidos os volumes seguintes...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse é o problema da FC em Portugal: foi abandonada pelos seus leitores. Aqueles leitores que "nasceram" com a Argonauta, por exemplo, estagnaram ou abandonaram o genero, e tambem por culpa deles próprios.

      No presente assiste-se a este ciclo vicioso: os leitores do fantástico gostariam de ver mais FC publicada ( afirmam-no), mas depois ou não a compram, ou se a compram não a compreendem, e abandonam o genero, e os editores consequentemente já nem arriscam pensar nela, quanto mais publicá-la!

      ubik

      Eliminar
  48. Sim é por todo o lado e infelizmente tenho sentido isso por todo o lado e o curioso disto tudo é que depois lêm e ficam surpreendidos com a qualidade dos livros. Eu proprio ainda tenho muito a descobrir e muito por ler entre os quais um livro do Priest (prestigio - penso ser este o escritor que te referes) e quanto ao Simmons estou completamente rendido à qualidade do escritor, não descanso enquanto não ler tudo o que está publicado dele por cá ;)

    Morgan li na altura errada, mas conto ler ainda o Forças do Mercado e realmente é pena que Kovacs não tenha vencido, eu não apreciei muito mas se fosse hoje acredito que seria algo diferente....Penso que toda a malta adorou, mas penso é que foram poucos que o leram ;)

    ResponderEliminar
  49. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  50. E pronto, depois de já andar com este autor debaixo de olho há imenso tempo, lá vem o Fiacha e os seus "cúmplices" Barreiros e Ubik colocá-lo na minha lista de desejos para a minha próxima jornada de compras literárias. :)

    PS - Fiacha, se num futuro próximo me vieres recomendar "O Mistério de Charles Dickens" acho que te mato... :)))

    ResponderEliminar
  51. Amiga Stark

    Muito me surpreende e enche de orgulho ter estes dois ilustres companheiros a comentar no blog, convivo mais com o Ubik, mas acompanho, admiro e conheço pessoalmente o João Barreiros e à já algum tempo :)

    Olha sou obrigado a recomendar-te por tudo, tal como neste escritor que ficas a admirar a capacidade de dialogo culto, criação de persoangens bem interessantes, Simmons consegue ser ainda melhor, mas isto porque li outros dois extrarordinários livros, Canção de Kali (sei que não gostaste muito, mas se vires bem até é bem interessante) e O Terror que adoraste....este livro está a ser...delicioso, vou a metade, istp é a 1/4 do livro na versão original e embora algo descritivo e tem que o ser, está a ser uma maravilha, logo sim com o que li até ao momento sou obrigado a recomendar-te, mais deverá ser o escritor que vai destroar a minha querida Collen McCollogh como o meu escritor favorito, muito bom mesmo, não sei elogiar mais o Dan Simmons, se chegar ao final do livro II tão satisfeito como estou no momento é o meu Nº1

    E o Zelazny sempre vais ler ou andas numa do Tim Powers ?

    Bjs e boas leituras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E pronto, acho mesmo que vou matar um certo Corvo...lol.

      Neste momento ando numa de Chadwick (está-me a parecer o Ken Follet versão light). :)

      Gostei do Powers, embora para mim tenha um grande "defeito": tirando o Barba Negra e o Woefully Fat... achei-lhes um piadão! :), não senti grande empatia pelas personagens ditas os "bons da fita", ou seja, não estava muito importada com o seu destino (neste aspecto "O Terror " de Dan Simmons ou o "Sonho Febril do George R. R. Martin marcaram-me muito mais). Mas adorei os elementos fantásticos, macabros, até, da história. Ou seja, o "Vodu nas Caraíbas" não vai saltar para a minha lista de favoritos, mas é um grande livro, uma aventura bem "esgalhada", que proporciona grande momentos de leitura. Apesar dos erros de Português (lá para o meio aparecem um "haviam" e um "houveram" muito lindos, por exemplo....), é um bom bom investimento, sem dúvida, :)

      O Zelazny, para já, não vou ler mais nada dele, a não ser que em alguma feira ou alfarrabista encontre, em Portguês, outro livro que não a saga de Ãmbar - não consegui mesmo interessar-me por nenhuma das personagens, e, neste caso, a narrativa em si também não ajudou muito. Enquanto que com o Powers havia momentos de leitura ávida e conseguia visualizar as coisas, neste, passada a curiosidade dos primeiros capítulos, parecia que a história me estava a passar toda ao lado. Não ponho o autor de lado, mas para já tenho outras prioridades. :(

      Entretanto, este do Ray, está oficialmente na minha lista de aquisições. :)

      Jokas

      Eliminar
    2. Viva,

      Tenho a certeza que irás ler o Ray, vou providenciar para que assim aconteça, isto claro que se retires a ameaça de morte sobre o corvo ehehe

      Quanto a essa escritora, vou ler, sei que ainda vais no inicio mas já estás a gostar (vejo que serviu para alguma coisa promover a campanha da revista sábado com os romances históricos da SDE :P )

      Powers é um livro excelente, não tão marcante como o Terror ou o Sonho Febril, mas ainda assim gostei ;)

      Zelazny só tens que avançar mais um pouco para perceber que é realmente uma serie muito boa, vai por mim ;)

      Bjs e boas leituras ;D

      Eliminar
    3. Ameaça de morte imediatamente retirada! :D :D

      E claro que valeu a pena promoveres a campanha da revista Sábado.! Seis livrinhos já cá cantam... e se não fosse estarem em promoção e a tua publicidade nunca os teria comprado. E estão a valer bem pena!. :) :)

      Jokas

      Eliminar
  52. Nossa! Faz tanto tempo que li esse livro!
    O Ray é um dos, inevitavelmente, meus autores mais admirados. Dle já li:
    Fahrenheit 451
    As Crônicas Marcianas
    A Cidade Inteira Dorme, e Outros Contos
    Algo Sinistro vem por aí
    Uma Estranha Família
    Os Frutos Dourados do Sol
    O Viajante do Tempo

    Acredito que o livro resenhado seja de Fantasia Escura, ou Dark Fantasy, um subgênero que por sinal tem me agradado muito.

    ResponderEliminar
  53. Viva Henrique,

    Sem duvida que é um escritor que gostava de ler mais livros e vejo que o conheces bem e j+a leste imensos livros dele, na versão original ou publicados ai no Brasil ?

    Bom gosto sem duvida ;)

    Abraço

    ResponderEliminar
  54. Fiquei curiosa com este livro mal saiu, mas na altura tinha outras prioridades e depois a novidade passou e nunca mais me lembrei dele.
    Tenho de ver se este ano pego nele :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois,

      Sim este livro vale bem a pena é um grande livro e são dos antigos, logo deves conseguir arranjar a bom preço na feira do livro :)

      Tambem a mim me passou completamente ao lado durante muito tempo até que o João Barreiros começou a sugerir e li ;)

      Bjs ;)

      Eliminar
  55. Olha, parece-me bastante bem. Caso leia o que te mostrei agora, fico com mais vontade de ler este do que o Fahrenight...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ois Sofia,

      Ui não tem nada a ver este é bem melhor, não me dou com distopias ;)

      Vou ficar curioso em saber a tua opinião ao livro que pediste ;)

      Bjs

      Eliminar