sexta-feira, 9 de junho de 2017

Os Despojados de Ursula K. Le Guin



Sinopse

A jornada de um homem em busca da reconciliação de dois mundos



Em Anarres, um planeta conhecido pelas extensas áreas desérticas e habitado por uma comunidade proletária, vive Shevek, um físico brilhante que acaba de fazer uma descoberta científica que vai revolucionar a civilização interplanetária. No entanto, Shevek cedo se apercebe do ódio e desconfiança que isolam o seu povo do resto do universo, em especial, do planeta gémeo, Urras.

Em Urras, um planeta de recursos abundantes, impera um sistema capitalista que atrai Shevek, decidido a encontrar mais liberdade e tolerância. Mas a sua inocência começa a desaparecer perante a realidade amarga de estar a ser usado como peão num jogo político letal.

Que esperança e idealismo restam a Shevek, aprisionado entre dois mundos incapazes de ultrapassar as diferenças? E ao desafiar ambos os regimes políticos, conseguirá ele abrir caminho para os ventos da mudança?


Opinião:


Mais um grande livro de FC que tive o prazer de ler e sinceramente foi uma enorme surpresa constatar a qualidade desta escritora que já me tinha surpreendido com a saga Terramar, mas aqui temos um livro mais real e com menos elementos de fantasia, género que permite ao escritor ter mais liberdade criativa. Aqui encontramos um livro que nos apresenta dois idealismos diferentes, dois mundos opostos e acima de tudo um personagem que nos agrada e cativa, gostei que não tivesse mudado os seus princípios e mais não posso revelar, mas conseguirá ele trazer a mudança ?.

Um livro que tem um universo rico e variado, que nos faz reflectir,  bem explorado e que apresenta um final que nos deixa na duvida se não terá continuação, mas seja como for foi devidamente encerrado e  que me deixou bastante agradado. Tudo isto acrescido de uma escrita cativante, que nos envolve, nunca sendo descritiva e com personagens muito interessantes em especial Shevek, o protagonista da história.

Referir que gostei bastante da nota introdutória apresentada pela Editora do livro, a Safaa Dib que tenho a certeza que será uma mais-valia para a Editora, aliás acredito que muitos dos livros publicados já tenham o seu cunho pessoal, mas é com agrado que a vejo como Editora e logo com um livro deste calibre.

A confirmação que a SDE está a voltar a publicar livros com muita qualidade, seja ela em Fantasia, FC, Romance Histórico, um livro que recomendo até para quem queira experimentar o universo tão rico da Ficção Cientifica.